Últimas Notícias
Capa / Editorial / Não deixem que os outros ceguem seus olhos
Não deixem que os outros ceguem seus olhos

Não deixem que os outros ceguem seus olhos

Já dizia o velho ditado, “cego não é aquele não enxerga, mas sim aquele que não quer ver”.

Foi pensando nesta máxima que resolvi redigir este texto. Não deixem que as pessoas, más, ingratas, arrogantes ou mesmo ignorantes, delimitem ou determinem seus passos. Somente você saberá o melhor caminho a seguir.

Pode ser que as experiências vividas por outros mostrem um caminho melhor, mas cabe à você segui-lo ou não.

Devemos, a cada dia, aprimorar nossas ações, ter um segundo plano em mente. Não podemos ser limitados ou mesmo despreparados, a vida nos cobra isso.

Sinto que a falta de conhecimento de muitos, fazem com que outros poucos ludibriem, e os façam seguir por um caminho tortuoso, fazendo com que se exponha muitas vezes ao ridículo e deturpando cada vez mais seu sentimento.

Nesta minha não tão longa caminhada, pude ver a maldade de perto. Aonde o próprio umbigo sempre fala mais alto, o interesse particular sobressai ao público. Esse interesse obscuro pelo ilusório fez com que muitas pessoas se deixassem levar, ou mesmo se perdessem, em troca de falsos tesouros e “fortunas” inexistentes, esquecendo que à honestidade e o amor deve prevalecer.

Ter uma vida de aparências só frustra quem a vive. Jogar a culpa no medo, no desespero pode ser um sinal de fraqueza.

Buscar a solução é o melhor caminho. Não se perca. O medo faz parte, mas ser refém dele não.

Saiba que falsos profetas existem e estão à sua volta, querendo se apoderar da sua vida, da sua mente e do seu “rico” dinheirinho. Isso não é fantasia, é vida real.

Ao participar de algo na vida, tenha em mente a profundeza de sua atitude. Não faça nada porque disseram à você que é bom. Realize-o com franqueza, desprendimento, respeito e conhecimento intenso de causa. Não vire fantoche nas mãos de pessoas inescrupulosas, preocupadas somente com o bem-estar próprio. O perigo mora aí. Pode ser que, ao acordar, o mundo à sua volta tenha se esvaído e um vazio tenha tomado conta. Mais uma vez você pode cair no esquecimento, sem amores, amigos e familiares e o viver pode não ter mais sentido.

Se você acredita em um sonho, trace metas, trabalhe, insista, persista e não desista, que um dia ele chegará. O sucesso depende única e exclusivamente da sua perseverança. Não seja coadjuvante mas sim ator principal da sua história.

Carlos Antonio Rodrigues (Bananal)

Comentários